Ana Cristina no meio dos containers


Fui hoje conferir a exposição Container Art no Parque Villa Lobos. A proposta é bacana, você entra em containers e assiste bons a exemplos da produção de videoarte brasileira.

Pude ver um vídeo do João Moreira Salles feito para Ana Cristina César: “Poesia é uma ou duas Linhas e por trás uma Imensa Paisagem”

Ana Cristina César, poeta e tradutora nascida no Rio de Janeiro em 1952. Vida curta e uma produção de boa qualidade, confessional, intimista e rigorosa.

ana_cristina_cesar

Depois de publicar poemas em revistas e jornais alternativos foi incluída na antologia 26 Poetas Hoje (1976), organizada por Heloísa Buarque, junto com outros nomes da chamada poesia marginal: Chacal, Chico Alvim, Cacaso…

O primeiro livro “A teus pés” (1982) fez parte da antológica coleção “Cantadas Literárias” lançada pela Editora Brasiliense:

SETE CHAVES

Vamos tomar chá das cinco e eu te conto minha
grande história passional, que guardei a sete chaves,
e meu coração bate incompassado entre gaufrettes.
Conta mais essa história, me aconselhas como um
marechal do ar fazendo alegoria. Estou tocada pelo
fogo. Mais um roman à clé?
Eu nem respondo. Não sou dama nem mulher
moderna.
Nem te conheço.
Então:
É daqui que eu tiro versos, desta festa – com
arbítrio silencioso e origem que não confesso –
como quem apaga seus pecados de seda, seus três
monumentos pátrios, e passa o ponto e as luvas.


Ana Cristina César suicidou-se em 1983.

Ainda foram lançados: Inéditos e Dispersos (1985), Nova Seleta (1999 – organizado pelo poeta e amigo Armando Freitas Filho) e Correspondência Incompleta (2000).

Abaixo o vídeo de João Salles, numa versão com pouca qualidade que consegui no youtube.

CONTAINER ART

de seg. a dom., das 10h às 18h30; até 28/11
Parque Villa-Lobos Av. Professor Fonseca Rodrigues, 2001

Tel: 3023-0316

grátis

http://www.containerart.com.br/


Anúncios
1 comentário
  1. Tadeu disse:

    Meu pc tá muito ruim, não tô conseguindo te mandar e – mail.
    Ana Cristina César suicidou-se em 1983. Ela morreu no ano em que eu nasci.
    Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: