“O erro”


Difícil, difícil. A bola corria muito, eu olhei zonzo para um lado e para o contrário. Fiquei um tempo se entender. O companheiro do lado gritava no meu ouvido:

– CÊ TÁ BEM, MANO? 

Eu não entendi. Claro que tava sol, claro que a poeira cobria tudo naquele final de semana pós carnaval. Ressaca de todos, faltaram dois. Um deles o quarto zagueiro. Lá vou eu o volante, recuar, completar a zaga.

– Você fica na sobra, o Anderson dá o primeiro combate, ele é mais leve – quem dava a letra era o técnico Dirceu, veterano que jogou em time profissional.

Na primeira bola eu espanei feio, chute mascado, para trás, que nem chegou a sair pela linha de fundo. Fui atrás do prejuízo, rasgando, poeira grossa, carrinho disfarçado, completei, escanteio pros caras. Não deu nada.

A bola vinha pouco, dez, quinze, trinta e cinco minutos. Fizemos um, o Robson, sempre ele, guardou, apesar dos olhos vermelhos e da noite mal dormida ou por causa disso.

Jogo ruim. A cabeça gira, as contas, faltam 14 prestações para saldar a moto, o trampo que não aguento. Dias, dias, de rotina, o futebol é o enredo que arrumo no domingo. Distrai.

Bola rápida pela direita. O grandão de camisa azul sobrou sozinho, desajeitado. Poeira. O Anderson já rodou, vou eu. Pique. Vou na bola, no cara? Cheguei. Subiu mais poeira. Sangue na boca.

O companheiro que gritava no meu ouvido era o Duda sempre parceiro. Eu tava no chão. Sangue na boca, pedacinho do dente quebrado. Um cara de azul pulou por cima de mim pra gritar gol não sei com quem no canto direito do campo. 

Errei o tempo, passei batido, poeira, cotovelo, o grandão saiu liso e bateu seco. Não teve jeito. Foi falta, não foi, gritaria, empurra empurra, várzea. Acabou. Nunca mais quero recuar pra zaga.

Saí da poeira. Volta pra casa, aquelas ruas eu conhecia de moto, a pé, vida inteira ali. Vinte e três anos. Errei, mas tem jogo no outro domingo, o dente eu arrumo na terça.

  

Anúncios
1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: