“Domingo, 13 de março de 2016”


Domingo, 13 de março de 2016.

Acabei de fazer um exercício de auto superação: atravessei quase a Augusta inteira em meio ao sobe e desce da micareta integralista.Sobrevivi, apesar dos engulhos. Muitas pessoas saindo dos seus bunkers na zona sul e centro expandido.

Negro? Quase nenhum. Pobre? Vendendo pipoca, cachorro quente, água e cerveja. Um grande manchão amarelo com alguns rostos de bronze forçado.

As frases ouvidas misturavam Bolsonaro, Moro, são todos bandidos, não precisamos dos políticos, palavrões e demonização total de Lula e Dilma. Ódio, rancor, camisa amarela e um sensação visual de Oscar Freire estendida com os tradicionais apetrechos free duty.

A classe média se politizou pela via da despolitização tendo como fonte a dobradinha GloboNews/JN, manchetes de revistas e jornais. Agora, a classe política vai colher o resultado dessa gororoba indigesta.

Rede Globo e judiciário estão à frente, o preço pode ser alto para as instituições, para o avanço da democracia (burguesa) e para as conquistas através das políticas públicas. Quem constrói essa narrativa é a plutocracia que finge odiar o Estado se apropriando dele.

Nos resta a esperança vinda do país que não tem voz, que tem horário de trabalho extenso, que mora longe dos centros e que pode dar uma resposta inesperada. Para pensar e agir.

 

CBF-1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: