“Disco na rua”



A cidade engole algumas práticas, lugares, profissões, costumes. Há alguns anos o que era andar por São Paulo sem pensar numa loja de discos? Eu mapeava a cidade pelas lojas.

O Centro era a mina de ouro das opções discográficas.

Aos mais preguiçosos e objetivos o caminho suave eram as galerias da 24 de Maio, Barão de Itapetininga e Sete de Abril, Nova Barão.

Lojas segmentadas de rock, jazz, black, samba, metal, alternativos, as ecléticas e as supreendentes, aquela que do nada, no meio de um monte de obviedades, achava-se o que o desejo apenas intuia.

Mas era nas bordas, nas lojas de rua, era na caminhada que a satisfação brotava. Tudo reluzia, as prateleiras eram abarratodas e as surpresas estavam lá, no meio da massa da música das massas.

Eram as lojas de rede, Cartaz, Seis de Ouro, algumas sem nome e outras que não lembro mais, lojas populares de acervo variado.

No Parque Dom Pedro, no caminho entre o Largo do Paisandu e o Correio. Na Rio Branco, Duque de Caxias, na Ipiranga, São João, Senador Queirós, nas bordas da Estação da Luz, no Brás, tanto lugar.

A vantagem dessas lojas era que os vendedores e os donos não eram os caras rabujentos ou blasés das lojas especializadas. Geralmente nordestinos, eram simpáticos, pessoas simples, queriam vender e conheciam discos e música, genericamente, mais conheciam.

Acabou esse tempo.

Restam hoje, alguns remanescentes, vejo aqueles rostos conhecidos nas ruas, no improviso, trabalhando com discos do jeito que dá, nas calçadas, sem as velhas lojinhas, fazem o que sabem, o que aprenderam na vida.
E ainda sorriem…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: